Com o avanço da tecnologia nos últimos anos, o compartilhamento de bens e serviços está cada vez mais em destaque. As mídias sociais facilitam a propagação da informação, juntamente com aplicativos e ferramentas online, ampliando as formas de dividir, doar  ou negociar qualquer coisa. A economia colaborativa ou consumo colaborativo é uma forma de interação entre indivíduos, no qual trocam recursos humanos, físicos e intelectuais, possibilitando o acesso a diversas experiências e maneiras de economizar e ganhar dinheiro.

Estamos indo para o rumo de uma vida compartilhada. A divisão está gradativamente substituindo o acúmulo. Isso é uma transformação não apenas da economia, como também da humanidade. As experiências são valiosas. A compra de produtos traz felicidades momentâneas, enquanto as experiências trazem a real felicidade, principalmente quando estamos plenamente presentes nelas.

Escolhemos para você algumas formas de economia colaborativa, entre tantas que estão surgindo. Aposto que já ouviu falar de muitas delas. Vamos lá?! Confere ai então:

1- Airbnb

mala-de-viagem

explore o mundo hospedando-se em espaços disponibilizados por anfitriões em mais de 190 países, ou ganhe dinheiro compartilhando o espaço extra que você tem em sua casa com viajantes do mundo inteiro. São inúmeras vantagens:

  • É possível alugar apartamentos e casas grandes, com bastante espaço, assim você pode levar sua família e amigos ficando em um só lugar.
  • Comodidade de se sentir em casa.
  • Melhor custo-benefício, poi  você pode negociar o preço com anfitrião. Muitas vezes eles até estendem o horário da sua estadia.
  • Os comentários sobre a casa, localização são realmente autênticos, o que significa que apenas quem realmente se hospedou pode comentar.

Note que nestas ocasiões não é preciso comprar uma casa, tudo que você precisa é de alguns dias em um local. É disso que estamos falando!

2- Bla Bla Car

homem dando carona

É muito comum ver carros no trânsito com apenas o condutor. Todos os dias, centenas de pessoas vão para o mesmo destino e não compartilham o espaço vazio do veículo. Visualizando esse problema, A startup oferece um serviço onde os viajantes disponibilizam caronas para um determinado destino. A ideia é reduzir o custo da viagem , conectar e promover a socialização. Podemos destacar outras vantagens como: É sua escolha com quem quer viajar, veja as avaliações dos motoristas, e além disso, uma muito bacana é caso você seja uma passageira e não se sente muito segura viajando com homens desconhecidos, o serviço disponibiliza a opção de encontrar apenas motoristas mulheres para te dar a carona. Curtiu? 😉

3 – Enjoei

mulher com compras

O Enjoei é um site de compra e venda de artigos em segunda mão, de coisas que já tenha enjoado e que ainda lhe possam render uma grana. Você coloca um anúncio de forma gratuita, se quiser pode até criar uma lojinha no site com as suas coisas. Se você não vender, o Enjoei não cobra nada, porém se vender o site fica com uma parte da sua venda. Com certeza você deve ter algum desses itens : roupa, calçado, chapéu,bolsa, máquina de costurar, câmera fotográfica e não usa mais. Essa é a hora de fazer uma renda extra. Perceba que este tipo de negócio o interessante não é mais possuir.

4 – Couch Surfing

Já pensou em viajar para algum local, se hospedar em uma casa e não ser cobrado nada por isso? essa é a proposta de  couch surfing, conectar pessoas, trocar experiências culturais, ideias, ouvir histórias malucas, amizades, enfim, quebrar a rotina e viver uma nova realidade. Esse tipo de prática permite o consumo dos serviços de forma mais inteligente e humana, proporcionando um novo estilo de vida.

5 – Outras alternativas

A Elomilhas é uma solução financeira onde você pode vender e emitir passagens por milhas. Com a pegada de economia colaborativa, a ideia é dar para as pessoas mais liberdade de escolhas, vender milhas significa viajar para qualquer lugar, investir nos seus sonhos e fazer o que quiser. Não há limites. Nós te damos a solução, e você decide o que vai fazer com o seu dinheiro. Por isso, não perca tempo. Faça uma cotação agora e descubra o quanto suas milhas são valiosas para nós.

Veja também :


Postado em 01/09/2017

Tags: , , , ,